Uma síntese de Salvador em 8 experiências

Salvar nos favoritos
Museu da Gastronomia. Pelourinho, Salvador, Bahia. Foto: Amanda Oliveira.

Um pouco de cada elemento que faz essa mistura tão especial

A rica história de Salvador contada através da arte, da gastronomia, fé e muito mais

A cidade de São Salvador da Bahia de Todos os Santos tem muitos encantos. Muitos escolhem vir para Salvador por ser rica em belezas naturais com águas calmas e cristalinas, praias urbanas lindíssimas, ilhas de fácil acesso e visual deslumbrante. Da mesma forma, encanta por sua musicalidade mundialmente conhecida, sua criatividade, seu carnaval seduz pela simpatia e alegria de seu povo. É uma cidade procurada por sua diversidade cultural e religiosa, sua arte e, sem dúvida, por sua gastronomia.

A primeira capital do Brasil acaba de completar 470 anos de idade, este roteiro procura mostrar em oito experiências super especiais, um pouco desta rica história. Cada uma delas representa uma boa síntese de cada elemento que faz desta mistura que carregamos no sangue tão especial. Preparamos também uma lista com músicas perfeitas para fazer sua mente voar enquanto vai se planejando para conhecer cada uma delas. Ouça agora!

Manifestação artística das tradições da Bahia

Espetáculo Balé Folclórico da Bahia Pelourinho Salvador Bahia. Foto: Amanda Oliveira.

O Balé Folclórico da Bahia é a maior e mais importante companhia profissional de dança folclórica do Brasil. Há 30 anos, difunde o melhor do país para o mundo, ao mesmo tempo em que promove o reencontro com as suas origens: a cultura popular, a cultura negra, a cultura afro-baiana, a herança indígena. As apresentações são espetáculos passionais e energéticos, uma linguagem cênica que capta, em seu mais puro estado, as manifestações folclóricas da Bahia. Um espetáculo que conta histórias, hábitos, cores e influências com dança e música – e já rendeu à companhia prêmios e turnês pelo Brasil e mundo afora.

Serviço

Balé Folclórico da Bahia
Espetáculo: de Segunda a Sábado, às 20h.
Endereço: Teatro Miguel Santana – Rua Gregório de Matos, 49, Pelourinho, Salvador.
Entrada: ingressos R$60,00 à venda na bilheteria, diariamente, a partir da 15h.
Telefone: contato e reservas – (73) 3322-1962
Importante: pagamento somente em dinheiro.

Baía de maravilhas

Ilha dos Frades – Ponta de Nossa Senhora de Guadalupe vista de cima, lá do mirante!

Salvador tem praias belíssimas por todos os lados. Desde as mais urbanas até as mais afastadas, são sempre boas opções para quem quer relaxar ou praticar esportes no mar. Uma das mais bonitas é a Praia de Ponta de Nossa Senhora de Guadalupe, na Ilha dos Frades. Ela foi aprovada por um júri internacional para receber a Bandeira Azul. O programa, criado na França em 1980, é considerado o mais importante da categoria em todo o mundo. É atribuído a praias e marinas que cumprem um conjunto de 34 requisitos de qualidade socioambiental. Preparamos um roteiro completo, com todas as dicas neste link.

A história contada em imagens

Espaço Pierre Verger. Foto: Fábio Marconi.

No Espaço Pierre Verger, Museu da Fotografia da Bahia, imagens de tirar o fôlego de grandes profissionais mostram uma Bahia por diferentes olhares, mostrando a diversidade cultural dessa terra maravilhosa. Isso aliado a projeções, salinha-cinema, mapa interativo e realidade virtual. O projeto é dedicado à valorização, reconhecimento e divulgação da fotografia baiana. Tem o trabalho de mais 60 fotógrafos que tenham nascido ou fixado residência na Bahia, além de uma exposição virtual do legado do etnólogo e fotógrafo francês Pierre Verger.

Serviço

Espaço Pierre Verger – Museu da Fotografia da Bahia
Funcionamento: de Quarta a Segunda, das 11h às 19h.
Ingresso: entrada: R$ 20 (inteira) / R$ 10 (meia).
Local: Forte de Santa Maria, Porto da Barra, Salvador.
Importante: entrada válida também para visita ao Carybé de Artes (Forte de São Diogo). Meia-entrada para estudantes e pessoas a partir de 60 anos. Escolas púbicas têm gratuidade, em visitas previamente agendadas. Todas as Quartas-feiras, as visitas são gratuitas para todos.

A comida da Bahia nos seus mais variados contextos

Museu da Gastronomia. Pelourinho, Salvador, Bahia. Foto: Amanda Oliveira.

O Museu da Gastronomia Baiana, iniciativa do Senac-Bahia, busca valorizar os diferentes sistemas alimentares da Bahia nos contextos históricos, culturais, sociais e gastronômicos. As profundas relações entre as cozinhas da Bahia e as cozinhas de Angola mostram que durante as travessias do Oceano Atlântico aconteceram muitas trocas, interpretações e invenções de receitas, tanto da Costa da África para o Brasil quanto do Brasil para a Costa da África. No Restaurante-museu-escola o visitante pode comer um rico e variado cardápio de pratos salgados e doces que atestam as cozinhas que vão do Recôncavo até o Sertão.

Serviço

Museu da Gastronomia Baiana
Localização: Praça José de Alencar, 13/19 – Largo do Pelourinho, Salvador – BA
Funcionamento: de Segunda a Sexta, das 09h às 17h30. Sábados, das 09h às 15h.
Tel.: +55 71 3324.8118
Site: http://www.ba.senac.br/museu
E-mail: museu.gastronomia@ba.senac.br

Uma viagem visual e sensorial ao mundo do Carnaval

Casa do Carnaval – terraço reverencia as antigas festas de largo. Foto: Fábio Marconi

A Casa do Carnaval conta a história da folia em uma viagem visual e sensorial, com diversos recortes temáticos da festa que está no âmago da cultura popular, das transformações sociais e da formação da identidade baiana. Ela acaba de completar um ano e em comemoração, o acervo ganha seis novos itens: são curtas-metragens sobre a história da festa e personagens importantes da folia.

Os filmes falam de diversos aspectos como a história do abadá, a criação do trio elétrico, a estética do Carnaval e a história dos artistas no trio elétrico. Quem ainda não foi, vale demais a visita e quem já esteve por lá, ai está mais um motivo para voltar. Clica neste link e saiba mais.

Serviço

Casa do Carnaval
Endereço: Praça Ramos de Queirós, s/n – Pelourinho, Salvador – BA, 40026-055.
Funciona no Centro Histórico, ao lado da Catedral Basílica de São Salvador, entre o Terreiro de Jesus e a Praça da Sé.
Horário de Funcionamento: Aberto de Terça a Domingo, das 11 às 19h.
A visitação será espontânea, com cobrança de ingresso no valor de R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia).

O mais antigo museu do Estado abriga uma aula de Bahia

MAB – Museu de Arte da Bahia. Foto: Assessoria/ Mateus Brito

O Museu de Arte da Bahia – MAB surpreende já na entrada. A porta é algo de lindo na Terra e a escada de jacarandá é uma obra em si mesma. Lá é possível conhecer a obra de importantes nomes baianos, como Presciliano Silva, Alberto Valença e Mendonça Filho.

Criado em 1918 no prédio anexo ao Arquivo Público e transferido em 1982 para sua atual sede, no Corredor da Vitória, o MAB é o mais antigo do Estado. Há mapas e aspectos da Salvador do séc. XVII, na época da invasão holandesa, em 1624, além de gravuras que remetem a um passeio pela cidade de Salvador no séc. XIX.Uma aula de Bahia para baianos e turistas.

Serviço:

MAB – Museu de Arte da Bahia
Horário de funcionamento: Terça a Sexta, das 13 às 19 horas, e Sábados, Domingos e feriados, das 14h às 19 horas.
Telefone: 3117-6902

Religião Católica, com atabaques do Candomblé

Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos. Foto: Fábio Marconi

A Igreja Nossa Senhora do Rosário dos Pretos é inegavelmente uma Igreja peculiar. Primeiro por existir nos fundos da igreja, um antigo cemitério de pessoas que foram escravizadas. Segundo que, preservando sua história ligada a estas pessoas, a liturgia dos cultos faz uso de música inspirada nos terreiros de Candomblé, ao som de atabaques. Terceiro que por estes e outros muitos motivos, esta igreja é um ótimo exemplo do sincretismo religioso desta cidade, é um dos símbolos de resistência contra a intolerância religiosa. A exemplo da Festa de Santa Bárbara e Iansã, que a igreja é o ponto central dos festejos.

Serviço:

Igreja Nossa Senhora do Rosário dos Pretos
Endereço: Largo do Pelourinho, s/n – Pelourinho, Salvador – BA, 40026-280
Data: missas, de Segunda e Domingo – às 9h. Terça, última Quarta do mês, 1ª Quinta do mês e Sexta – às 18h. Visitação: de seg. a sáb., das 8h às 12h e das 13 às 17h.
Contato: (71) 3421-5781.

Capoeira: legado cultural Afro-brasileiro

Fundação Mestre Bimba Pelourinho Salvador Bahia Foto Amanda Oliveira .

Conhecido mundialmente, Manoel dos Reis Machado, Mestre Bimba, foi quem desenvolveu a Capoeira Regional. A Fundação Mestre Bimba (FUMEB) foi idealizada por diversos discípulos e admiradores de Mestre Bimba, sob a liderança de Mestre Nenel. Tem como finalidade preservar e difundir a obra de Mestre Bimba e o seu legado cultural Afro-brasileiro através de eventos e atividades correlatas no campo da capoeira. Realiza seminários, cursos, publicações, exposições além de pesquisas e atividades de intercâmbio cultural.

Serviço

Endereço: Rua Maciel de Baixo, nº 51. Pelourinho CEP: 40026-210. Salvador, BA
Telefone(s): +55 71 3322-5082
E-mail: fumebi@gmail.com


Espetáculo Balé Folclórico da Bahia Pelourinho Salvador Bahia. Foto: Amanda Oliveira.

1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
32
33
34
35
36
37
38
39
40
41
42
42
Duração aproximada
6 horas - 9hs
Seu bolso

Outros Roteiros

Agenda

07
jul
08
jul
09
jul
10
jul
11
jul
13
jul
14
jul
Ver mais em Agenda