Museus Imperdíveis em Salvador

Salvar nos favoritos
Pelourinho, Salvador, Bahia. Foto: Amanda Oliveira.

Você tem que ir!

Cada visita é um mergulho na história da cidade

Passeios culturais são experiências que transformam. Conhecer museus, teatros, galerias, entre outros espaços, faz com que a vivência nestes locais proporcione imersão no conhecimento.

Reunimos aqui museus imperdíveis em Salvador, onde você terá contato com obras de arte, livros, esculturas e muitas outras obras que incentivam a criatividade. Daqueles lugares que você tem que ir!

Palácio Rio Branco

Palácio Rio Branco. Centro Histórico, Salvador, Bahia. Foto: Amanda Oliveira .

Gente, ele é aberto ao público, tá? Lá tem um museu e uma vista sensacional!

Ao sair do Elevador Lacerda, no Centro Histórico de Salvador, é inevitável que seus olhos se cruzem com a imponente construção localizada à sua direita. O Palácio Rio Branco é um dos símbolos mais importantes da nossa cidade, que guarda um importante retrato do Brasil.

O local é cheio de história e curiosidades. Em 1912, por exemplo, sua primeira edificação, muito mais simples do que a atual, foi atingida por um bombardeio em ficou em ruínas, sendo reinaugurada em 1919, quando recebeu o nome atual em homenagem ao Barão do Rio Branco. O lugar já serviu como quartel e como prisão.

O que muita gente não sabe é que o espaço, além de ser aberto à visitação no primeiro piso, tem uma das vistas mais especiais da cidade. Se você tá cansado de tirar aquela foto clássica no Elevador Lacerda, no palácio você terá uma visão lateral do monumento, além de ter uma vista perfeita para a Baía de Todos os Santos, o Forte de São Marcelo e a Cidade Baixa. O clique tá garantido!

Saiba mais neste link

Palácio Rio Branco

Museu da Misericórdia

Museu da Misericórdia. No Salão Nobre, a cadeira feita exclusivamente para a visita de D. Pedro II, em 1859. Foto: Fábio Marconi.

Esse vocês já viram bastante no feed do Visit Salvador da Bahia. Imperdível!

O imponente palacete do século XVII, situado entre a Praça Municipal e a Praça da Cruz Caída, no Centro Histórico, guarda parte expressiva da História da Bahia e do Brasil. Em cada um dos corredores e salões do Museu da Misericórdia, há algo que reconta eventos de saúde, políticos e sociais da cidade de Salvador.

Entre as peças do vasto acervo, estão a cadeira feita exclusivamente para a visita de D. Pedro II, em 1859, e a escrivaninha de Ruy Barbosa, que foi funcionário da Santa Casa da Bahia. Destaque para os painéis de azulejos portugueses, retratando a Procissão do Fogaréu e a Procissão dos Ossos; a Farmácia, o armário de 1867, exclusivamente construído para armazenar frascos com substâncias farmacêuticas do Hospital da Caridade; e o primeiro carro movido a gasolina da Bahia – o mais antigo em exposição no Brasil.

O estado de conservação do espaço, a beleza das peças e a qualidade da visita guiada são incríveis. Os monitores são ótimos, as histórias contadas fazem cada sala ter vida própria!

Saiba mais neste link

Museu da Misericórdia

Casa do Carnaval

Casa do Carnaval – livros que contam a história dessa grande festa. Foto: Fábio Marconi

Na Casa do Carnaval, tem um terraço com uma vista de tirar o fôlego!

Lá, é Carnaval o ano inteiro! Com capricho e o uso da tecnologia e da interatividade, a Casa do Carnaval conta a história da folia em uma viagem visual e sensorial, com diversos recortes temáticos da festa que está no âmago da cultura popular, das transformações sociais e da formação da identidade baiana.

Este museu da folia possui maquetes, roupas e instrumentos emprestados por artistas da festa, fotos e documentos históricos e dois cinemas onde os visitantes irão poder aprender ritmos da festa caracterizados e com a ajuda de monitores.

O museu do Carnaval tem quatro pavimentos: o térreo, o primeiro andar, o terraço e o subsolo. Reserve um bom tempo do passeio para ficar no terraço. De lá, se tem uma vista inspiradora da Baía de Todos os Santos e do Centro Histórico, perfeito para belas fotos.

Saiba mais neste link

Casa do Carnaval

Cuidados importantes

Com a pandemia da covid-19, a capital baiana vem se adaptando a este novo normal. Durante os passeios, os visitantes devem estar atentos para o uso da máscara, álcool 70º e manter um distanciamento seguro

de outras pessoas. Ligue antes para os locais a serem visitados e procure saber sobre os protocolos de segurança para evitar contaminação.

Este é o Plano de Retomada das Atividades em Salvador. Entenda todos os protocolos de funcionamento neste link.


Casa do Carnaval - terraço reverencia as antigas festas de largo. Foto: Fábio Marconi

1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
15
Duração aproximada
1 horas - 2 horas
Seu bolso

Outros Roteiros

Agenda

26
jan
27
jan
28
jan
29
jan
30
jan
01
fev
02
fev
Ver mais em Agenda