Lançamento do livro infantil digital “Fica em casa, Olga”

Salvar nos favoritos

Sobre o evento

Livro infantil com dicas de como driblar o isolamento social será lançado nesta quinta-feira (15)

“Fica em casa, Olga” traz momentos de reflexão, acolhimento e dicas de brincadeiras a partir da relação entre um pai e sua filha pequena.

Disponível também em versão audiobook

Livro infantil Fica em casa, Olga. Capa do livro.

Serviço:

Lançamento do livro infantil digital “Fica em casa, Olga”

(Textos de Marinho Freire e Ilustrações de Rebeca Silva)

Data: quinta-feira, 15 de abril

Download: ficaemcasaolga.com | Instagram @agenciadindon

Versão Audiobook: YouTube, Spotify, Google Podcasts e Apple Podcasts

Gratuito

Mais informações: ficaemcasaolga.com

Um pai, uma filha de quatro anos, confinamento, pandemia. O que fazer para driblar o isolamento social de uma criança, acostumada a ir à escola, interagir com os coleguinhas, brincar na rua, andar de bicicleta, correr na praia… O que fazer para entretê-la? E como se fazer, de fato, um pai presente, estreitar esses laços com sua filha e fortalecer o seu núcleo familiar em tempos tão caóticos e em plena crise de saúde? A partir dessas vivências e questionamentos, o produtor cultural e jornalista Marinho Freire, pai de Olga, lança o livro digital “Fica em casa, Olga”, com ilustrações da artista visual Rebeca Silva, mãe de Mabel. O livro estará disponível para download a partir desta quinta-feira (15), no site ficaemcasaolga.com e no Instagram do projeto (@agenciadindon), com direito a uma versão em audiobook, que será viabilizada nas principais plataformas de streaming.

“O livro se inspira no cotidiano e desafios das famílias com crianças que estão cumprindo o distanciamento social e se mantendo dentro de casa. A ideia surgiu a partir da minha própria realidade, com minha filha de quatro anos, e a ânsia de criar alternativas para lidar com o tédio, a falta de liberdade e do contato”, explica Marinho Freire, que também é produtor do podcast “Papicast”, que trata de paternidades. “É também um chamado para sermos empáticos num momento tão delicado e atípico, no qual ainda não temos todas as respostas para a pandemia de Covid-19, as suas consequências ou quando poderemos retomar o convívio social. Eu espero, portanto, que também possa funcionar como suporte emocional e de resiliência aos pais, mães e tutores”, pontua.

Já para Rebeca Silva, ilustrar o livro foi como pintar a própria realidade. “Eu tinha em casa fotos de quase todas as imagens que o texto trazia, bem como Marinho. Foi sentar e transbordar a minha realidade; pintar a relação, os desafios, as tristezas e exaustão, tanto minhas quanto de minha filha de três anos”, pontua. “Tem sido um misto louco de sentimentos muito intensos e espero que o livro possa servir como um alento de pensar que estamos todos vivendo muitos desafios”, arremata.

“Fica em casa, Olga” traz desde dicas de ferramentas educativas gratuitas e sugestões de brincadeiras, como acampar na sala ou ajudar na cozinha e transformar a pia em piscina de espumas para lavar a louça, a momentos de reflexão e acolhimento, destacando o cuidado, troca e amor na relação entre pai e filha. “São pouquíssimos livros infantis protagonizados por um pai e uma filha. Então, a intenção é que o livro seja também um incentivo à paternidade ativa e que sirva de inspiração”, destaca Marinho Freire.

O link para download do livro também será enviado via lista de WhatsApp e e-mail. Já a versão em audiobook será disponibilizada no YouTube, Spotify, Google Podcasts e Apple Podcasts, além da possibilidade de baixar o arquivo no site do projeto. “Nosso intuito é ampliar o acesso do público e, mais ainda, divulgar o livro junto a instituições que trabalham com pessoas com deficiência visual, a exemplo do Instituto de Cegos da Bahia, a Associação Baiana de Cegos e a União dos Cegos no Brasil”, destaca o escritor. O formato audiobook conta com locução e interpretação do músico e produtor Thiago Kalu, e da pequena Nina Flor Hace (10 anos), gravado no estúdio de Átila Santana, com finalização de áudio de Bruno Andrade e realização da Agência Dindon.

“Fica em casa, Olga” tem apoio financeiro do Estado da Bahia, através da Secretaria de Cultura e da Fundação Pedro Calmon (Programa Aldir Blanc Bahia), via Lei Aldir Blanc, direcionada pela Secretaria Especial da Cultura do Ministério do Turismo, Governo Federal. Quem quiser contribuir com o projeto pode entrar em contato com o autor e a ilustradora através do ficaemcasaolga.com ou no e-mail agenciadindon@gmail.com, que também é a chave PIX para doações.


Preço
Gratuito

Local
Versão Audiobook: YouTube, Spotify, Google Podcasts e Apple Podcasts

Data e horário
De 12/04/2021 até 30/04/2021 - Dom, Seg, Ter, Qua, Qui, Sex, Sab

Livro infantil Fica em casa, Olga. Rebeca Silva e a filha Mabel_crédito Diego Nascimento.

1
2
3
3

Experiências em Salvador